Arquivos do Blog

3ª dia de Festival termina celebrando o fazer poético

Os poetas Chacal, Marcelo Benini e Ondjaki encerraram a terceira noite de atividades do FELICA tentando responder a uma árdua indagação: De que é feito um poeta?

Mediada pelo também poeta, Giovani Ramos, a mesa “Um poeta não se faz (só) com versos” fluiu bem e refletiu sobre o fazer poesia num mundo em que as pessoas preferem ler verdadeiros calhamaços de livros em prosa a poemas.

O poeta se faz de versos e reversos, na opinião de Chacal, além de analogias entre divulgar seus versos em mídia eletrônica como fazia nos anos 70 em mimeógrafo. Já Ondjaki e Marcelo Benini versaram sobre a importância da poesia desde a infância e como funciona o processo de criação de seus versos.

Veja alguns clicks da mesa.

O FELICA conta com o patrocínio da Lei Municipal Ascânio Lopes.

Anúncios

Entrevista com o poeta Chacal

O poeta Ricardo Chacal, ou simplesmente Chacal, um dos ícones da Poesia Marginal, fala com exclusividade ao blog do CataguasesViva e antecipa alguns dos temas que debaterá ao lado do poeta angolano Ondjaki e do cataguasense Marcelo Benini, na 3ª edição do FELICA, na mesa “Um poeta não se faz (só) com versos”, na Casa de Cultura Simão, no dia 11. Confira a entrevista.

1) Será sua primeira vez em Cataguases? Qual sua impressão sobre a cidade?

Chacal – Sim, conheço muito pouco de Cataguases. Associo sempre aos filmes de Humberto Mauro.

2) Com o advento tecnológico, o surgimento de novos escritores, graças a blogs individuais ou coletivos, deu aos escritores dos anos 2000 uma experiência parecida com a que viveu nos anos 70. Quais as principais semelhanças e diferenças que vê entre os dois períodos?

Chacal – Semelhanças entre mimeógrafo e internet: do it yourself. Não dependência de editores e distribuidores. Poema direto do produtor ao consumidor. Diferenças: hoje o grande acúmulo de informações não permite muitas vezes diferenciá-las.

3) Como um agitador cultural, o que acha da realização de eventos literários a fim de promoverem o incentivo à leitura?

Chacal – Muito útil essa troca de vivências. Conhecer pessoas e lugares.

4) Torquato Neto, certa vez, afirmou que “um poeta não se faz com versos”. De que é feito um poeta?

Chacal – De versos e reversos.